INSS Autônomo 2020: Como Pagar, Valor, Contribuição e Recolhimento

INSS Autônomo 2020 – Com o mercado de trabalho cada vez mais concorrido, são muitos os brasileiros que optam por autonomia em sua carreira profissional. Ou seja, que trabalham sem carteira assinada. Essa tendência torna fundamental que o cidadão brasileiro conheça o INSS Autônomo 2020. Pois ele é uma modalidade que ajuda a esse tipo de trabalhadores a garantirem os benefícios do INSS.

INSS Autônomo 2020
INSS Autônomo 2020
  • Veja também as datas de pagamento de benefícios do INSS através da TABELA INSS 2020.

Como Pagar INSS Autônomo

O pagamento do INSS Autônomo 2020 é feito mensalmente, e ele garante o acesso a grande parte dos benefícios do INSS. Como é o caso da:

  • Licença maternidade;
  • Aposentadoria;
  • Pensão por morte;
  • Salario família e;
  • Vários outros benefícios.

Para poder iniciar o pagamento deste tributo, é preciso que o interessado faça a sua inscrição no Instituto de Seguro Social (INSS) na qualidade de contribuinte individual.

Confira o passo a passo que permite o pagamento do INSS autônomo, já a seguir:

  • Entre no site oficial do Dataprev clicando AQUI;
  • Siga preenchendo todas as informações que são necessárias para o cadastro (nome completo, CPF, Data de nascimento, nome da mãe, etc.);
  • Feito isso, você precisará de entrar as suas informações no site do DataPrev – use este link – http://www2.dataprev.gov.br/PortalSalInternet/faces/pages/calcContribuicoesCI/filiadosApos/selecionarOpcoesCalculoApos.xhtml;
  • O preenchimento das informações nesse site pode ser feito de forma manual numa das agências do INSS ou no site;
  • Depois de ter entregue as suas informações, você deverá seguir fazendo o pagamento da taxa de recolhimento do INSS autônomo.


Contribuição INSS Autônomo 11%

A contribuição individual do INSS equivale a 11% do salário que é auferido pelo beneficiário, e é justamente por conta dele que os trabalhadores autônomos conseguem obter os auxílios do INSS.


Valor INSS Autônomo 2020

Quem atua na modalidade de trabalhador autônomo, tem 3 opções por meio das quais pode fazer o pagamento do valor do INSS Autônomo 2020. São elas:

  • 5% do salário mínimo nacional, sem a inclusão do direito à aposentadoria por tempo de contribuição;
  • 11% do salário quando se pretende ter acesso a mais benefícios, exceto a aposentadoria por tempo de contribuição;
  • Até 20% aplicado sobre o teto do salário mínimo que vai até o salário mínimo INSS 2020.
Tabela para Contribuinte Individual e Facultativo 2019
Salário de Contribuição (R$) Alíquota Valor
R$ 998,00 5% (não dá direito a Aposentadoria por Tempo de Contribuição e Certidão de Tempo de Contribuição)* R$ 49,90
R$ 998,00 11% (não dá direito a Aposentadoria por Tempo de Contribuição e Certidão de Tempo de Contribuição)** R$ 109,78
R$ 998,00 até R$  5.839,45 20% Entre R$ 199,60 (salário mínimo) e R$ 1.167,89 (teto)

Recolhimento INSS autônomo

Quando o trabalhador já tiver legalizado todo o processo que permite a adesão ao INSS Autônomo 2020, ele deverá iniciar a contribuição para o INSS. A recolha deste tributo é feita segundo o carnê GPS, que é basicamente o guia da previdência social para a contribuição nas agências INSS.

Confira o procedimento que possibilita a emissão do guia de pagamento INSS, já a seguir:

Assim que as informações forem entradas, você deverá em seguida fazer o pagamento da taxa e definir a forma de contribuição.

Vale frisar que as formas de contribuição são identificadas por códigos. Sendo que para a contribuição de 11% do salário mínimo, é usado o código 1163, e para a contribuição de 20% é usado o código 1007.

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (2 votes, average: 5,00 out of 5)
Loading...